• Novidades

    quarta-feira, 31 de julho de 2019

    Joshua Harris autor " Eu Disse Adeus ao Namoro" abandona a fé


    Joshua Harris, escritor norte-americano do livro best-seller I Kissed Dating Goodbye (Eu Disse Adeus ao Namoro), anunciou em um post no Instagram na sexta-feira(26/07) que ele não é mais um cristão. Sua declaração chocante veio dias depois que ele anunciou que estava se separando da esposa após 20 anos de casamento e que continuariam a ser amigos e criando seus três filhos juntos.

    No post do  Instagram , Harris comentou sobre as respostas que recebeu sobre seu divórcio e também revelou que está “se afastando” da fé e não mais se identifica como cristão.
    “A informação que foi deixada de fora do nosso anúncio é que passei por uma grande mudança em relação à minha fé em Jesus,” escreveu Harris no Instagram. “A frase popular para isso é ‘desconstrução’, mas a frase bíblica é ‘desviar-se.’ Por todas as medidas que tenho para definir um cristão, eu não sou cristão.”

    Harris também pediu desculpas à “comunidade LGBTQ +” por não apoiar o casamento entre pessoas do mesmo sexo e afirmar seu lugar na igreja.

    Aqui está o post do Instagram na íntegra:  

    Meu coração está cheio de gratidão. Eu gostaria que você pudesse ver todas as mensagens que as pessoas me enviaram após o anúncio do meu divórcio. São expressões de amor, embora se entristeçam ou desaprovem fortemente a decisão.

    Estou aprendendo que nenhum grupo tem o mercado encurralado na graça. Esta semana recebi a graça de cristãos, ateus, evangélicos, ex-helméticos, pessoas heterossexuais, pessoas LGBT e todos os outros. É claro que também houve fortes palavras de repreensão de pessoas religiosas. Embora nem sempre seja agradável, sei que eles estão querendo me amar. (Também houve comentários rancorosos e odiosos que me enfureceram e me feriram.

    A informação que foi deixada de fora do nosso anúncio é que eu sofri uma grande mudança em relação à minha fé em Jesus. A frase popular para isso é “desconstrução”, a frase bíblica é “caindo”. Por todas as medidas que tenho para definir um cristão, eu não sou cristão. Muitas pessoas me dizem que existe uma maneira diferente de praticar a fé e quero permanecer aberta a isso, mas não estou lá agora.

    Martinho Lutero disse que toda a vida dos crentes deveria ser arrependimento. Há beleza nesse sentimento, independentemente da sua visão de Deus. Vivi em arrependimento nos últimos anos – arrependimento de minha autojustificação, minha abordagem baseada no medo da vida, o ensino de meus livros, minhas visões das mulheres na igreja e minha abordagem de parentalidade, para citar algumas. Mas eu quero especificamente adicionar a esta lista agora: para a comunidade LGBTQ +, eu quero dizer que sinto muito pelas opiniões que eu ensinei em meus livros e como pastor em relação à sexualidade. Lamento ficar de pé contra a igualdade no casamento, por não afirmar você e seu lugar na igreja, e por quaisquer maneiras que a minha escrita e fala contribuiu para uma cultura de exclusão e fanatismo. Espero que você possa me perdoar.

    Três anos atrás, Harris também pediu desculpas pelo conselho que deu em seu livro de 1997, I Kissed Dating Goodbye, que ele escreveu quando tinha apenas 20 anos de idade antes de ter um relacionamento amoroso. No livro, ele descreveu o namoro como um “campo de treinamento para o divórcio”.

    “Eu não concordo mais com a ideia central de que o namoro deve ser evitado”, escreveu Harris em um comunicado publicado em seu  site . “Eu agora acho que o namoro pode ser uma parte saudável de uma pessoa desenvolvendo relacionamentos e aprendendo as qualidades que mais importam em um parceiro”.

    Harris alcançou proeminência nos círculos conservadores evangélicos dos Estados Unidos quando escreveu seu livro “I Kissed Dating Goodbye” (Eu Disse Adeus ao Namoro), em 1997, e, três anos depois, “Boy Meets Girl: Say Hello to Courtship” (Garoto Encontra Garota [Editora Atos]).

    Nos livros, ele incentivava os cristãos a evitar namoros e, em vez disso, buscar uma abordagem de grupo e família, que ele chamou de cortejo.Apesar de seu forte envolvimento com o conservadorismo evangélico, algum processo de apostasia já estava se instalando nele.

    No ano passado, ele escreveu um comunicado oficial pedindo perdão por seus livros conservadores. Ele também já havia renunciado ao cargo de pastor principal da Igreja Vida de Aliança (Covenant Life) em 2015.Ele diz que lamenta e até se arrepende de suas posturas conservadoras, inclusive com relação à questão homossexual.“Para a comunidade LGBTQ +, quero dizer que sinto muito pelas opiniões que ensinei em meus livros e como pastor em relação à sexualidade,” diz ele.

    “Eu me arrependo de me posicionar contra o casamento gay, por não defender os homossexuais e seu lugar na igreja, e por qualquer forma que meus livros e palestras tenham contribuído para uma cultura de exclusão e fanatismo.”

    (Com The Christian Post e Julio Severo)
    • Comentários
    • Comentários pelo Facebook
    Item Reviewed: Joshua Harris autor " Eu Disse Adeus ao Namoro" abandona a fé Rating: 5 Reviewed By: Jefferson Sales
    Scroll to Top